Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
311,00 292,00 289,00
GO MT RJ
292,00 289,00 294,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 2600,00
Garrote 18m 3060,00
Boi Magro 30m 3800,00
Bezerra 12m 2100,00
Novilha 18m 2480,00
Vaca Boiadeira 2820,00

Atualizado em: 4/7/2022 10:26

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Lucro da Frigol dispara com exportações

 
 
 
Publicado em 17/05/2022

Embalado pelo crescimento das exportações, a Frigol, quarto maior frigorífico de carne bovina do país, atrás de JBS, Marfrig e Minerva, encerrou o primeiro trimestre com resultados recorde.

Segundo balanço recém-concluído, o lucro líquido da empresa, que tem capital fechado, alcançou R$ 72 milhões de janeiro a março, ante prejuízo de R$ 29 milhões em igual intervalo der 2021. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) alcançou R$ 93 milhões, ante resultado negativo de R$ 10 milhões em igual intervalo do ano passado - assim, a margem Ebitda, que ficou no vermelho no começo de 2021 (1,4%), voltou ao azul (9,4%). A receita líquida, por sua vez, subiu 51%, para R$ 993 milhões.

“Tivemos um primeiro trimestre atípico. Depois do embargo de quase 100 dias sobre a carne bovina brasileira, no fim do ano passado, a China estava com demanda represada e voltou muito forte. E nossa expectativa é que as vendas para o país continuem firmes”, afirmou Eduardo Miron, CEO da Frigol, ao Valor. Ele realçou que a receita da empresa com exportações cresceu de R$ 250 milhões para R$ 550 milhões na comparação entre os primeiros trimestres, ou pouco mais de 50% das vendas. Há três anos, a fatia era de apenas 20%

Duas das três plantas de bovinos da Frigol, localizadas em Lençóis Paulista (SP) e Água Azul do Norte (PA), são habilitadas a vender ao mercado chinês. A planta de São Félix do Xingu (PA) ainda não é, mas, em compensação, tem autorização para exportar a Israel, que também tem apresentado demanda aquecida. No total, a companhia exporta para mais de 60 países. A Frigol conta, ainda, com um frigorífico de suínos em Lençóis.

Melhora dos negócios

Em meio aos esforços para ampliar a fatia das exportações nas vendas, a Frigol também contou com a melhora dos negócios no Brasil para a melhora dos resultados no primeiro trimestre. A pressão inflacionária continua, o que mantém o poder de compra da população mais restrito, mas a oferta de bovinos cresceu, com reflexos positivos sobre as margens. E, segundo Miron, estímulos como o Auxílio Brasil, a liberação do FGTS e a antecipação do 13º salário para aposentados agora tendem a oferecer mais sustentação ao consumo.

“Este poderá ser um ano histórico para a Frigol. Nosso objetivo é chegar a R$ 200 milhões em Ebitda e a R$ 4 bilhões em faturamento”, reforçou o CEO. Investimentos em produtos de maior valor agregado e em melhorias de eficiência, com a implantação de inteligência artificial nas unidades de produção e novos serviços aos pecuaristas, colaboram para fortalecer as boas perspectivas. Segundo Eduardo Masson, CFO da companhia, cerca de 10% do Capex de R$ 30 milhões previsto para 2022 (50% maior que o de 2021) será destinado para incrementar a infraestrutura tecnológica das operações.  Com informações do Valor.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[04/07/2022] - Exportações batem US$ 1 bilhão em junho
[04/07/2022] - Arroba: escalas avançam com alta do boi
[04/07/2022] - Leite: preço ao produtor sobe pelo quarto mês
[04/07/2022] - Leite: preços disparam no atacado e varejo
[04/07/2022] - Milho: preços caem com avanço da colheita
[04/07/2022] - Importações de fertilizantes subiram 17% em junho
[04/07/2022] - MAPA quer árabes na produção de fertilizantes

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[01/07/2022] - Mercado do boi vive um impasse
[01/07/2022] - Arroba: mercado firme em SP, alta em GO
[01/07/2022] - Arroba em alta em Goiás
[01/07/2022] - Leite: preço ao produtor já subiu 20% em 2022
[01/07/2022] - China tem dificuldades para repor rebanho suíno
[01/07/2022] - França quer banir o termo carne vegetal
[30/06/2022] - Arroba: frigoríficos têm dificuldade para comprar
[30/06/2022] - Arroba: a maior cotação desde abril
[30/06/2022] - Exportações de carnes se aproximam de US$ 10 bi
[30/06/2022] - Bezerro brasileiro está mais pesado
[30/06/2022] - Governo anuncia Plano Safra 36% maior
[30/06/2022] - CNA diz que Plano Safra atende pedido do setor
[30/06/2022] - Bolsonaro: armas aumentaram segurança no campo
[30/06/2022] - Milho em queda trava negócios no Sul
[30/06/2022] - Produtor rural pode pedir recuperação judicial
[30/06/2022] - Desemprego cai ao menor nível desde 2015
[29/06/2022] - Frigoríficos pedem ação do governo contra greve
[29/06/2022] - Arroba: escalada do boi continua firme
[29/06/2022] - IMEA faz previsões sobre o futuro da arroba
[29/06/2022] - Inflação do produtor rural em alta no RS
[29/06/2022] - Oposição trava projeto de autocontrole no Senado
[29/06/2022] - IGP-M sobe menos que a previsão do mercado
[29/06/2022] - Governadores vão ao STF contra queda do ICMS
[28/06/2022] - Brasil cria 277 mil empregos formais em maio
[28/06/2022] - Arroba: frigoríficos já pagam acima da referência
[28/06/2022] - Arroba: boi volta a subir em São Paulo
[28/06/2022] - Leite: preço subiu 4,4% em um mês
[28/06/2022] - Exportações do Agro batem recorde novamente
[27/06/2022] - Arroba: frigoríficos exportadores precisam de boi
[27/06/2022] - Arroba: preços estáveis em SP
[27/06/2022] - Milho: colheita avança e preços recuam
[27/06/2022] - Cenário permanece otimista para o Agro brasileiro
[27/06/2022] - Confinamento tem forte alta nos EUA
[27/06/2022] - Furto de gado cai 18,5% em Mato Grosso do Sul
[27/06/2022] - Putin garante fornecimento de adubos ao Brasil
[24/06/2022] - Arroba: escalas começam a avançar em SP
[24/06/2022] - Leite: preços continuam em alta
[24/06/2022] - FAESC: produtores estão abandonando o leite
[24/06/2022] - Piracanjuba reduz operações por falta de leite
[24/06/2022] - Senado aprova autofiscalização agropecuária
[24/06/2022] - Greve de fiscais já trava importações do Agro
[24/06/2022] - JBS: STJ dá decisão favorável aos Batista
[23/06/2022] - Ágio para o boi China já bate os R$ 30
[23/06/2022] - Arroba: boi sobe mas escalas não avançam
[23/06/2022] - Queda maior do bezerro melhora relação de troca
[23/06/2022] - Leite sobe no RS para compensar alta nos custos
[23/06/2022] - MT: carne bovina puxa crescimento das exportações
[23/06/2022] - Pequenos e médios pecuaristas são maioria em MT
[22/06/2022] - Arroba: exportações firmes puxam preço do boi
[22/06/2022] - Alta dos insumos fez PIB do Agro recuar em 2022

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br