Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
299,00 288,00 295,00
GO MT RJ
285,00 292,00 290,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 2850,00
Garrote 18m 3110,00
Boi Magro 30m 3890,00
Bezerra 12m 2520,00
Novilha 18m 2870,00
Vaca Boiadeira 3140,00

Atualizado em: 14/5/2021 10:10

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Tereza: Agro brasileiro não é inimigo do ambiente

 
 
 
Publicado em 23/03/2021

Em evento preparatório para a Cúpula das Nações Unidas Sobre Sistemas Alimentares, que será realizada em setembro, em Nova York, a ministra Tereza Cristina, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), defendeu nesta segunda-feira (22/3) a agricultura tropical brasileira como exemplo de produção altamente sustentável que pode ser exportado para outras regiões tropicais do mundo e criticou o movimento de países desenvolvidos.

“Em vez do reconhecimento do papel da agricultura tropical como provedora de segurança alimentar e serviços ecossistêmicos, vemos a valorização desses conceitos excludentes e restritivos que buscam classificar como sustentáveis apenas as práticas agrícolas de países desenvolvidos, amparadas por vultosos subsídios que premiam a ineficiência.”

A ministra enumerou as várias transformações dos últimos 50 anos que revolucionaram a agricultura brasileira, como o plantio direto, a integração lavoura-pecuária-floresta, a realização de duas ou três safras por ano na mesma área, a preservação de 66% da área de mata nativa nacional e o fato de 46% da matriz energética brasileira ser composta de fontes renováveis.

“Apesar disso, temos sofrido ataques no cenário internacional. Busca-se rotular o Brasil como inimigo do meio ambiente. Ignora-se a queima de combustível fóssil de 200 anos dos países desenvolvidos e atribuiu-se ao desmatamento da Amazônia a responsabilidade pela mudança climática.”

Para Tereza Cristina, o Brasil é o único país do mundo capaz de aumentar a produção de alimentos junto com a conservação dos recursos naturais.

Manoel Otero, diretor geral do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), disse que o Brasil é um dos principais atores da agricultura mundial, garantindo segurança alimentar e nutricional ao planeta. “O Brasil tem uma oportunidade de ouro de levar todo o conhecimento, tecnologia e inovação de sua agricultura tropical para os outros países da América do Sul.”

Celso Moretti, presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), também destacou que o Brasil criou um modelo de agricultura tropical sustentável movido à ciência e inovação sem paralelo no mundo, tanto que tornou possível a produção de carne carbono neutro. “Agora, em parceria com uma grande multinacional do setor lácteo, vamos produzir o leite de baixo carbono e a seguir, couro de baixo carbono e bezerro de carbono neutro.”

As lives da Semana Internacional da Agricultura Tropical (Agritrop) seguem até a próxima sexta (26/3). Além de discutir subsídios para a delegação brasileira levar para a cúpula em setembro, o evento presta um tributo ao ex-ministro da Agricultura e fundador da Embrapa, Alysson Paolinelli, indicado para o prêmio Nobel da Paz por sua contribuição ao desenvolvimento da agricultura tropical.

Paolinelli, cuja indicação tem o apoio de 24 países, disse que, em nenhum momento, o Brasil produziu tanto alimento como agora, de forma sustentável e com qualidade tão boa para alimentar 800 milhões de pessoas. “Apesar disso, pessoas ainda passam fome no mundo. É necessário um pacto social global para levar nosso modelo de agricultura tropical para regiões pobres do mundo, como África e partes da Ásia, a fim de prover a alimentação necessária da população e gerar renda.” Com informações do Globo Rural.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[14/05/2021] - Boi chegou ao limite de baixa?
[14/05/2021] - Arroba: poucos negócios no mercado do boi
[14/05/2021] - Unidade da Marfrig é liberada a exportar aos EUA
[14/05/2021] - Milho: produtores estão segurando vendas
[14/05/2021] - MAPA abre novos mercados para o gado brasileiro
[14/05/2021] - Produtores vão a manifestação a favor de Bolsonaro
[13/05/2021] - Quebra de safra de milho preocupa frigoríficos

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[13/05/2021] - Prefeito é condenado por receptação de gado
[13/05/2021] - Quanto valerá o boi no final de 2021?
[13/05/2021] - Arroba: pressão de baixa ainda segue
[13/05/2021] - Arroba: mercado paulista está bem lento
[13/05/2021] - Arroba: situação melhorou para os frigoríficos
[13/05/2021] - JBS lucrou R$ 2 bilhões em um trimestre, recorde
[13/05/2021] - Marfrig prioriza exportações a partir do Uruguai
[13/05/2021] - Leite: Mercosul tem concorrência desleal
[13/05/2021] - Expoinel 2021 deve ser presencial, diz ACNB
[13/05/2021] - Câmara aprova novo licenciamento ambiental
[13/05/2021] - Fábrica de ração gera economia para família em SC
[13/05/2021] - Hoje é o Dia do Zootecnista
[13/05/2021] - Argentina volta a travar exportação de carne
[12/05/2021] - Arroba: escalas alongadas não vão durar
[12/05/2021] - Arroba: pecuaristas travam as vendas em SP
[12/05/2021] - Abate de bovinos caiu 10% em 2021
[12/05/2021] - Marfrig tem resultado recorde no trimestre
[12/05/2021] - Sauditas querem travar importações do Brasil
[12/05/2021] - Safra brasileira será a maior da história em 2021
[12/05/2021] - Conab prevê milho safrinha menor
[12/05/2021] - Quanto está valendo o milho hoje?
[11/05/2021] - Arroba: boi começou a semana em queda
[11/05/2021] - Arroba: frigoríficos reduzem oferta por fêmeas
[11/05/2021] - Exportações de carne bovina caem em maio
[11/05/2021] - Abates cresceram em Mato Grosso
[11/05/2021] - Sauditas tentam explicar embargo ao Brasil
[11/05/2021] - Câmara discute importação de leite do Mercosul
[11/05/2021] - Novo licenciamento ambiental pode ser votado hoje
[10/05/2021] - Arroba: boi parou de cair
[10/05/2021] - Arroba: frigoríficos seguraram compras em SP
[10/05/2021] - Quando o boi volta a subir?
[10/05/2021] - Milho: safrinha pode ser 7% menor
[10/05/2021] - Milho: saca já bate os R$ 110
[10/05/2021] - Preço da terra dispara 50% no Paraná
[10/05/2021] - CNA: retirar vacinação abrirá novos mercados
[07/05/2021] - Arroba: volume de negócios está fraco
[07/05/2021] - Quanto está valendo o boi em São Paulo?
[07/05/2021] - China: importações de carne próximas a recorde
[07/05/2021] - Arábia Saudita embarga frigoríficos brasileiros
[07/05/2021] - O que está por trás do embargo saudita?
[07/05/2021] - Câmara aprova cota para leite nacional na merenda
[07/05/2021] - Polícia faz operação contra roubo de gado em MS
[07/05/2021] - Bolsonaro vai a manifestação de produtores rurais
[06/05/2021] - Queda do boi não vai durar muito
[06/05/2021] - Arroba: frigoríficos pagam menos em SP
[06/05/2021] - Leite: produtor recebeu mais, mas riscos continuam
[06/05/2021] - Custo de produção do leite segue nas alturas
[06/05/2021] - Qual a previsão para o preço do milho?
[06/05/2021] - Governo esgota orçamento para crédito subsidiado
[06/05/2021] - Crédito rural cresceu 12% em um ano

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br